• Perímetro urbano de Samonte passa por revisão

    Todos os confrontantes estão sendo consultados. Medida faz parte da elaboração do novo Plano diretor do Município.

     

    De acordo com o chefe do setor de engenharia da Prefeitura e secretário de Meio Ambiente, Flávio de Oliveira, os limites do perímetro urbano do Município começaram a ser analisados nesta semana. Trata-se de um tema sério e delicado, que será objeto de projeto de lei e parte integrante da revisão do Plano Diretor. Com o Plano Diretor, as áreas que foram incluídas vão ser delimitadas e zoneadas de acordo com a utilização. O pré-projeto está sendo desenvolvido pelo engenheiro Marcos Bolina, projetista contratado pela prefeitura.

    “Estamos procurando todos os confrontantes do perímetro urbano, para saber se eles querem que o seu terreno seja incluído ou se desejam permanecer como zona rural. O intuito é ser o mais transparente possível. Alguns pediram que fosse incluído, outros não, como a Indústria e Comércio de Fogos Souza Brasil e Fogos Globo, que preferiram ficar fora do perímetro urbano e nós atendemos”, explicou Flávio.

    Uma vez aprovado tecnicamente, o projeto de lei vai para a Câmara Municipal para ser analisado e se aprovado, volta para o prefeito que sanciona a lei. A partir daí ela passa a integrar o Plano Diretor para depois ser zoneado como zona residencial, zona industrial, zona de preservação ambiental, zona de recuperação ambiental, área de preservação permanente etc.

    Sobre o autor:
    Patricia Borges
    Patricia Borges

    Editora e proprietária da Revista Ágora. Estudou Gestão da Comunicação Integrada/Publicidade e Propaganda na instituição de ensino PUC Minas Arcos. Alguém que acredita que mais importantes que as repostas, são as perguntas que a gente faz.

Tutores Hicks Aretesanais Sorrir Planta e La Griffe